Policlínica Fazenda Rio Grande

Atenção à manutenção da saúde no Carnaval

Home>Notícias>Atenção à manutenção da saúde no Carnaval
Atenção à manutenção da saúde no Carnaval
Por: admin

Ícone da cultura brasileira, o Carnaval está chegando para arrastar multidões às ruas. Há quem não goste, mas muitas pessoas aguardam ansiosamente esse tempo para extravasar e curtir com muita folia e diversão. Contudo, são necessários alguns cuidados com a saúde para que a festa não vire um pesadelo e traga consequências gravíssimas ao seu bem-estar. Vamos conferir algumas?

  • Hidratação: nas cidades quentes, onde ocorre a maior concentração de foliões, costuma haver grande quantidade de vendedores de água de coco. Tire proveito disso! Priorize os líquidos que hidratam, sem adição de açúcar, e beba muita água potável. O calor ajuda a desidratar. Fique atento e não dê brecha. Dois litros de água por dia é o mínimo para o perfeito funcionamento do seu organismo.
  • Alimentação leve: manter uma alimentação equilibrada vai te poupar de mal estar, de processos digestivos complexos e proporcionar muita disposição para curtir sem medo. Excesso de carboidrato provoca cansaço e não é a cama que você deseja nesses dias, não é? Poupe seu corpo.
  • Roupas confortáveis: é certo que há fantasias nada confortáveis usadas no carnaval, mas se você não é a rainha da bateria daquela famosa escola de samba que concorre para ser a campeã 2018, fuja delas e busque tecidos de fácil transpiração. Desconforto coopera para a falta de disposição e pode estragar a festa.
  • Proteção solar: caso o seu destino seja beira-mar ou outro ambiente exposto ao sol, use bloqueador solar intenso, buscando reaplicar o protetor em curto espaço de tempo, pois o suor colabora para a eliminação da proteção e consequente exposição aos raios solares que danificam a pele, podendo causar até câncer.
  • Proteção contra doenças sexualmente transmissíveis: o Ministério da Saúde lança campanhas anualmente a favor da prevenção de doenças transmitidas pelo ato sexual durante os dias de folia, distribuindo milhares de preservativos gratuitamente. Não custa fazer uso deles, porque além de não desejar uma doença, ninguém deseja uma gravidez não programada. O uso de banheiros coletivos e dos objetos compartilhados também transmite doenças, como a herpes, que resiste a um período de incubação e não é visível ao olho nu. Curtir sem abrir mão da responsabilidade é o apropriado.
  • Manter a vacinação em dia: há um surto de epidemias espalhadas pelo país. Não vale a pena correr riscos de contraí-las, por isso invista em estar devidamente vacinado, ademais, nesta época muitos turistas vêm celebrar nos cinco dias de festividade carnavalesca e alguns trazem novidades epidêmicas.
  • Não dirigir se beber: isso é assunto sério, muito sério. No carnaval ocorrem os maiores índices de mortes no trânsito devido à condução irresponsável por motoristas embriagados. Não coloque a vida de terceiros em risco também. Pratique a direção consciente e evite acidentes.

A Policlínica deseja aos seus pacientes um Carnaval com responsabilidade, muita saúde e diversão multiplicada.


Voltar
Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas