Policlínica Fazenda Rio Grande

COMO PREVENIR O MELANOMA

Home>Notícias>COMO PREVENIR O MELANOMA
COMO PREVENIR O MELANOMA
Por: admin

Parecem simples manchinhas na pele, mas trata-se de um tipo de câncer e é mais agressivo do que você imagina. O melanoma é o tipo mais agressivo de câncer de pele, de modo que pode espalhar-se pelos nódulos linfáticos e, até mesmo, por órgãos mais distantes.

O câncer de pele vem crescendo cada vez mais no Brasil, de modo que a estimativa para este ano é que haja mais de 180 mil novos casos de câncer de pele em nosso país, sendo, ao menos, 97 mil em mulheres. Desses casos, o melanoma representa “apenas” uma parcela de 5%, no entanto, a grande maioria dessa porcentagem é fatal.

É preciso estar atento para identificar a doença, já que é essencial identificá-la no início, quando ainda é passível de cirurgia para a cura, porém, nessa fase inicial, é muito fácil confundir o melanoma com uma simples mancha. Assim, para constatar se você possui uma mancha que pode ser melanoma, preste atenção nestas 5 dicas básicas:

  • A mancha é assimétrica(tem um lado diferente do outro)?

  • As bordas são irregulares?

  • A mancha possui tonalidades incomuns, como tons de vermelho, marrom, azul ou rosa?

  • A mancha está, aos poucos, aumentando de tamanho?

  • Houve mudanças na mancha, como sangramento ou coceira?

Se a resposta para tais sintomas for sim, cuidado, a sua mancha pode ser um melanoma. Mas não se desespere, a doença pode ser curada se você procurar por um médico o quanto antes, não espere a doença alcançar estágios mais avançados, pois o desenvolvimento do melanoma compromete outros órgãos, como pulmão, fígado, cérebro e ossos, além de promover metástase no cérebro, ameaçando a vida do paciente e diminuindo as chances de sobrevida.

E como diz o ditado, melhor do que prevenir, é remediar, por isso, é importante que você saiba que a principal causa da incidência de melanoma é a exposição excessiva ao sol (especialmente na infância), o não uso do protetor solar, gerando queimaduras solares, além da exposição a substâncias químicas – como arsênio e solventes.

Procure prevenir-se contra o melanoma, evitando expor-se ao sol, especialmente nos horários em que a incidência de raios solares é maior, utilizando sempre o protetor solar, e evitando a exposição a substâncias químicas, ou, quando inevitável, protegendo-se de tais substâncias. Caso você tenha uma mancha suspeita, não deixe para depois, procure um dermatologista capacitado – como os profissionais da Policlínica, os melhores em dermatologia em Fazenda Rio Grande – e realize os procedimentos necessários para constatar e curar o melanoma.

Fonte: Mulher com saúde


Voltar
Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas