Policlínica Fazenda Rio Grande

Glaucoma: conheça sobre essa doença que mais causa cegueira no mundo

Home>Notícias>Glaucoma: conheça sobre essa doença que mais causa cegueira no mundo
Glaucoma: conheça sobre essa doença que mais causa cegueira no mundo
Por: admin

O processo de leitura é longo: inicia-se na córnea, atravessa todo o globo ocular até chegar no nervo óptico, o qual é responsável pela transmissão de luzes e cores ao cérebro, que decodifica as informações e as transforma em imagem. No entanto, para pessoas com glaucoma, esse processo não funciona tão bem assim. Fatores como enxaqueca, miopia, apneia do sono e descendência asiática são alguns dos indicadores de glaucoma. Saiba mais neste artigo.

 

A doença desconhecida por muitos brasileiros

A Sociedade Brasileira de Glaucoma (SBG) encomendou uma pesquisa para verificar, dentre outras coisas, o nível de conhecimento dos brasileiros com relação ao glaucoma. E os dados são alarmes, pois, embora o glaucoma seja a doença que mais causa cegueira irreversível no mundo, 40% dos entrevistados acreditam ter cura. Já entre a as pessoas com mais de 40 anos, grupo mais sujeito ao distúrbio, um terço nem sequer sabe o que é glaucoma. O mais triste que a pesquisa revelou é que 50 milhões de brasileiros nunca foram a um oftalmologista.

 

Glaucoma não tem cura, mas tem tratamento

Além da falta de conhecimento sobre o assunto, o glaucoma é doença que não apresenta sintomas na fase inicial, portanto, a praxe é acompanhar e controlar a pressão intraocular (PIO), a maior responsável por lesar o nervo óptico. No caso de pessoas míopes, o formato do globo ocular é que favorece a compressão no nervo. Outro fator que acarreta o glaucoma é a hipotensão arterial noturna, quando a pressão arterial fica 20% abaixo do ideal. Esse quadro afeta principalmente mulheres e descendentes asiáticos.

Embora sejam fatores que fogem do controle pessoal, o que cabe a cada um é evitar a automedicação, especialmente colírios com corticoides, os quais aumentam a probabilidade de desenvolver a doença. O glaucoma é uma doença que não tem cura, mas a partir do diagnóstico, a intervenção médica é para que ela não avance.

    Portanto, o cuidado e a informação são sempre os melhores remédios. Visite seu oftalmologista regularmente.


Voltar
Notícias Relacionadas

Notícias Relacionadas